Você já ouviu falar em slow food?


 

Comer é realmente um dos maiores prazeres da vida para uma parte considerável do mundo. Mais do que prazer comer é uma necessidade para viver. Há outra coisa que é certa: a forma como nos alimentamos causa um profundo impacto no meio ambiente.

Se não podemos – e nem devemos – deixar de comer, a solução é nos alimentarmos com consciência e responsabilidade. Não só por um planeta mais saudável, mas por uma vida pessoal melhor. Pessoas que ingerem refeições equilibradas são mais saudáveis, tem mais qualidade de vida e, portanto vivem melhor.

É nesse momento que chega o movimento Slow Food. Até chegar ao prato, um alimento sofre diversas modificações, sabemos disso. Todo o manuseio, o transporte, as pessoas que trabalham, todo o processo custa caro para o Planeta.

O slow food segue o conceito da ecogastronomia de que é possível se alimentar muito bem agredindo menos o Planeta. Esse movimento acredita no alimento bom, limpo e justo.

Mas afinal, o que isso significa?

Bom: o alimento deve ter bom sabor.

Limpo: Deve ser cultivado de maneira limpa, sem prejudicar a saúde, o meio ambiente e os animais.

Justo: os produtores devem ser remunerados justamente pelo seu trabalho.

Se você quiser conhecer mais da filosofia, o site é www.slowfoodbrasil.com
E você? Se alimenta com responsabilidade?

 

1 comment

Add yours
  1. 1
    Segunda sem carne! | Blog do CPV

    […] Muito tem se falado sobre a importância do consumo consciente. Escolher produtos que causam menor impacto – da fabricação até o descarte-, reciclar o lixo, separar óleo de cozinha, comprar somente o necessário, reusar, trocar, descartar remédios corretamente. São muitas as atitudes que podemos adotar para minimizar os estragos já feitos no Planeta, e por menores que sejam, todas as medidas fazem diferença sim! Uma coisa é certa nesse cenário: é obrigação de todos pensar no meio ambiente e no futuro de quem ainda nem nasceu! […]

+ Leave a Comment