CPV usa plataforma com resultado dirigido para o Enem

CPV usa plataforma com resultado dirigido para o Enem


No último final de semana os alunos da terceira série e dos cursinhos CPV fizeram o segundo simulado Enem de 2016. Com provas aplicadas no sábado e no domingo, o exame contou com 90 questões inéditas de múltipla escolha no primeiro dia, outras 90, também originais, no segundo e mais a redação. Para Elcio Bertolla, coordenador pedagógico do CPV Morumbi, esse tipo de teste serve para preparar o aluno para as condições reais do que ele enfrentará. “Por mais que ele estude em casa, no dia não vai ter almofada fofinha, música para relaxar ou geladeira abastecida”, exemplifica.

As questões são divididas em quatro grandes áreas de conhecimento: Linguagens e Códigos, Ciências Humanas, Ciências da Natureza e Matemática. Com enunciados extensos, elas exigem uma grande capacidade de interpretação de textos, gráficos, tabelas e imagens, além de uma leitura do conteúdo que está implícito em cada uma. “Há uma série de detalhes que só o Enem aplica, é fundamental que o aluno saiba o que esperar”, diz Elcio.

A cada ano o Enem ganha mais relevância para quem quer entrar na faculdade. Já é aceito como porta de entrada por todas as universidades federais, várias universidades portuguesas e também é usado para preencher vagas dedicadas no Insper, na FGV e na ESPM. Para preparar os alunos da melhor maneira possível, o CPV aplicou a prova fornecida pela Geekie, uma das principais plataformas especializadas no Brasil. “Além das questões coerentes, o resultado é um diagnóstico individual, que mostra quais habilidades o aluno está bem e quais ele precisa reforçar”, conta Elcio.

Provas contaram com questões inéditas com as mesmas características do Enem

Provas contaram com questões inéditas com as mesmas características do Enem

O aluno que fez as duas provas, por exemplo, terá um gráfico mostrando sua evolução da primeira para a segunda, uma comparação dele em relação aos colegas e também avisa se com o desempenho alcançado ele entraria em alguma faculdade no ano anterior. Os professores, por sua vez, recebem um relatório com o nível de conhecimento dos alunos e os pontos que precisa dar mais atenção na sala de aula. Com isso, aulas e estudos podem ter a rota alterada, tudo em busca de melhores resultados.

O Enem será aplicado em todo o Brasil nos dias 5 e 6 de novembro.

Perdeu este simulado? Ainda teremos provas voltadas para os vestibulares do Einstein, Fuvest, FGV, Insper e ESPM. Os testes são gratuitos, basta se inscrever com até um dia de antecedência no site: cpv.com.br/simuladoAberto/

+ There are no comments

Add yours